Helena Coutinho na 1ª Pessoa

E foi assim. Havia um lugar, e como havia diferentes níveis de conhecimentos, eu fiquei com as meninas que já tinham alguns conhecimentos de português.
Foi um descobrir, dia após dia, a riqueza cultural que me era oferecida pelas meninas. Eslovénia, Lituânia e Espanha. Houve outras origens, mas apenas temporariamente.
Fui descobrindo como é encantador pensar na nossa língua como estrangeira e o que podia fazer para transmitir o modo de funcionamento da nossa língua mas, também, oferecer-lhes a oportunidade de conhecer alguns dos nossos escritores e poetas, da nossa música, e sentir como isso as fascinava!
Também partilharam connosco as suas tradições, e juntámo-nos todas, professoras e alunas dos dois níveis de língua, para degustar comida dos seus países por elas preparada, e ainda músicas tradicionais. Um belo convívio!
Visitámos alguns lugares, como por exemplo Viseu, e aprendemos e divertimo-nos muito.
A experiência foi tão boa que cá estou novamente este ano, também com três jovens já com alguns conhecimentos de português, provenientes da Hungria, Alemanha e Espanha, ávidas de aprender e conhecer tudo o que diz respeito à nossa língua e à nossa cultura.
A AEVA / Europe Direct estão de parabéns por proporcionarem esta oportunidade aos jovens que vêm fazer voluntariado nesta instituição.
E eu, muito grata pela oportunidade de colaborar nesta iniciativa!

Helena Coutinho